PRECONCEITO NÃO TEM GRAÇA

Os últimos episódios de ofensas raciais ocorridas em campos de futebol despertaram as discussões sobre a afirmação de que “não somos racistas”. Tá bom, faz de conta que eu acredito.

Mas, o pior é ouvir pessoas tentando negar o óbvio, ou seja, o fato de que há e houve ofensas raciais só porque nós gaúchos somos bonzinhos e politicamente educados (!) e porque os demais brasileiros não gostam de nós. Isso é um raciocínio reducionista, para não dizer canalha, de esconder a sujeira embaixo do tapete ou a cabeça da avestruz no buraco.

Estamos autorizados a discutir se o que houve foi racismo ou injúria racial, se o clube de futebol é responsável pelos atos praticados por meia dúzia de torcedores e se a pena aplicada foi exagerada, mas nunca, nunca mesmo, negar o que houve. Ou, suprema desgraça, dizer que isso é normal, que nos campos de futebol as pessoas dizem coisas ofensivas sem maldade.

Ofender pessoas, desfazer delas, menosprezá-la, imputar a elas condição inferior pelo simples fato de terem pele mais escura que nós é desprezível, inaceitável, criminoso, uma ignorância e um crime dos mais graves e deve ser punido, sempre.

Não vale também alegar que outros episódios parecidos deixaram de receber punição ou que esta foi mais leve, pois isso nada mais é do que advogar a não punição de um delito apenas porque outro não foi punido. Dizer que isso acontece o tempo todo (que orgulho!!), que faz parte do folclore do futebol não retira do fato a condição de crime.

Afinal, todos sabemos que grande parte dos delitos graves, como homicídios, roubos, sequestros e estupros não são investigados ou punidos, e nem por isso são aceitáveis ou justificativas para não punir alguns. O justo é punir a todos que cometem delitos, mas a ineficiência do sistema punitivo em relação a alguns não legitima a não punição de outros.

Ofender pessoas em razão de sua cor não pode ser encarado como folclore ou “normal”, porque quem bate esquece, mas quem apanha não, o que é justo. Chamar alguém de macaco com o evidente intuito de ofender não tem graça, e deve ser punido, de forma forte e eficiente.

Cadeia para os ofensores raciais. Expulsão dos estádios para os preconceituosos. O mundo moderno não os aceita mais, e isso é muito bom.  Cresçam, seus cabeças ocas ridículos!

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s