O MEDO É O PRINCIPAL INIMIGO DA DEMOCRACIA

 

Estamos vivendo tempos estranhos, com passeatas que terminam em quebra-quebra, com manifestações que levam à lesões e mortes de pessoas, com criminosos sendo capturados por cidadãos e amarrados em postes (muitas vezes depois de selvagemente espancados), que “justificam” todos os medos, reais ou imaginários, e “justificam” as mais radicais ideias de justiça e repressão.

Defender um mínimo de racionalidade e calma nessa hora é quase um suicídio político e social, pois ninguém está interessado em pensar e decidir com parcimônia. As instituições não funcionam ou, se funcionam, não mostram isso à população, de forma que estamos tomando a “justiça em nossas mãos”.

Corremos o risco de voltar ao tempo da inexistência do Estado como organização da sociedade e, vamos e viemos, por culpa absoluta do Estado, que se faz ausente e, muitas vezes, é agente de corrupção.

Temos pressa, mas essa não é uma boa conselheira. Alguns dizem que estão cansados de esperar pelo Estado, eu também, mas não é a reedição de métodos selvagens de justiça e repressão que vai nos salvar.

A sociedade tem de parar e, com seriedade e pensamento no futuro, se replanejar, ou, como muitos preferem, fazer uma reengenharia.

Não estou advogando simplesmente não reagir aos delitos, mas sim atuar de forma civilizada e racional, de forma a reconstruir uma sociedade sustentável, preocupada com a presente e com as futuras gerações.

Se nos deixarmos tomar por todos os medos do mundo, por mais justificados que pareçam, em vez de andarmos para frente, vamos retroceder, perder espaços democráticos conquistados a duras penas.

Esta linda e maravilhosa geração de jovens atuais não viveu os “anos de chumbo”, deles tendo notícias muito vagas e apagadas e, por isso, muitas vezes, coloca em risco a democracia que deseja com atitudes impensadas e apressadas.

O que deve nos mover não é o medo, mas a esperança de um país melhor. E esperança rima com segurança, não com medo.

Anúncios

1 comentário

Arquivado em Uncategorized

Uma resposta para “O MEDO É O PRINCIPAL INIMIGO DA DEMOCRACIA

  1. muito bem meu amigo ! gde abraço!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s