SAUDADES DE GENTE QUE NUNCA VI

Autor: João Marcos Adede y Castro 

Vocês eram tão barulhentos

Reclamei tanto da presença

Agitada de cada um

Agora sinto falta

De gente que

Nunca

vi.

Jovens,

Cheios de vida

Repletos de sonhos e projetos.

Onde vocês estão, seus safadinhos sonhadores?

Porque sinto tanta falta de vocês, se não os conheci?

Acho que é porque eu gostaria de ter sido tão lindo

e perfumado como cada um de vocês!

Bem feito pra mim. Prometo ser

Muito mais tolerante,

E nunca esquecer

de vocês,

A quem

nunca

vi.

Por vocês

Eu choro, em silêncio,

E escondido.  Deus proteja cada

Um de vocês, seus lindos e bagunceiros anjos!

Anúncios

1 comentário

Arquivado em Uncategorized

Uma resposta para “SAUDADES DE GENTE QUE NUNCA VI

  1. maria lúcia

    Gostei muito. Acho que temos saudade do tempo que em que fomos jovens. E não é porque somos saudosistas. É que quando jovens, podíamos namorar muito, ousar, sonhar e realizar os sonhos, éramos valentes, impetuosos e tudo isso cabia na nossa “idade”. “A velhice poderia ser a suprema solidão, não fosse a morte uma solidão ainda maior.” (jorge Luiz Borges)
    É isso. Um abraço. Sucesso.
    Maria lúcia

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s