DEPUTADO EM REGIME FECHADO

 

         Sei que a expressão “morro e não vejo tudo” é gasta, mas se aplica perfeitamente ao esdrúxulo caso do deputado federal que foi condenado definitivamente pelo STF a 13 anos de prisão em regime fechado por apropriação de dinheiro público e, fantástico, não teve seu mandato cassado!

O anjinho chegou à Câmara Federal algemado, mostrando aos coleguinhas os dodóis nos pulsos e se queixando que tomara banho de garrafinha, porque não tinha água no presídio, agradecendo aos colegas de cela pela solidariedade.

Seus colegas de Câmara ficaram muito condoídos, isso não se faz com um cara que rouba mais de oito milhões de reais dos cofres públicos! Alguém como ele devia ser reeleito, em vez de ser cassado! Que dó!

A vantagem de não cassar o mandato deste deputado é que se estabelece uma relação de amizade, parceria e cumplicidade entre os “colegas” do presídio e os futuros presidiários que devem sair da Câmara por delitos iguais ou ainda mais escabrosos.

A não cassação desse deputado estabelece um precedente para os políticos condenados no Mensalão e de outros mensalões que serão julgados. Em pouco tempo haverá mais condenados na Câmara Federal do que no Presídio da Papuda.

Menos mal que o Presidente da Câmara Federal suspendeu os pagamentos do deputado presidiário, uma vez que, estando em regime fechado, não poderá participar das sessões, e convocou seu suplente. Mas existem informações de que o deputado presidiário já ingressou com pedido na Justiça para garantir seus vencimentos. Afinal, continua deputado! Quem duvida que ele possa fazer valer esta tese, bote as barbas de molho. Daí, teremos dois salários sendo pagos: um para o presidiário e outro para o deputado em exercício.

Para aqueles que reclamam do auxílio reclusão de pouco mais de um salário mínimo que a Previdência paga aos familiares de presos, este é um prato cheio. De vergonha, mas cheio.

Em termos de moralidade política,  chegamos ao fundo do poço.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s