Boate Kiss: Ministério Público entende que prisão de músico deve ser mantida

 


 

Promotores Joel Dutra e Maurício Trevisan

Os Promotores de Justiça de Santa Maria Joel Dutra e Maurício Trevisan manifestaram-se nesta quarta-feira, 24, contra o pedido de liberdade do vocalista da banda Gurizada Fandangueira, Marcelo de Jesus dos Santos. O parecer do Ministério Público foi entregue ao Juiz Ulysses Louzada, a quem caberá analisar e decidir pela revogação ou sustentação da prisão. 

Na manifestação, os Promotores de Justiça ressaltam que “o pedido de liberdade provisória vem amparado basicamente na alegação de absolvição sumária do denunciado, razão pela qual mereceria Marcelo responder ao processo em liberdade. Tal pleito deve ser indeferido, seja a título de concessão de liberdade provisória, seja como revogação da segregação cautelar, pois a prisão do acusado foi decretada para a garantia da ordem pública, situação que permanece inalterada até o presente momento”. 

 
 


Ministério Público do Estado do Rio Grande do Sul
Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s