Nepotismo causa afastamento de secretário municipal

A Justiça concedeu liminar pleiteada em ação civil pública ajuizada pelo Ministério Público e determinou nesta quinta-feira, 31, a exoneração de três Secretários Municipais de Eldorado do Sul. Isso porque, conforme o promotor de Justiça Plínio Castanho Dutra, o secretário de Transportes e Trânsito, Vanderlan dos Reis Gonçalves; a secretária de Assistência Social e Trabalho, Neusa dos Reis Gonçalves; e o secretário de Compras e Patrimônio, Edi Elesbão da Luz Reis, são, respectivamente, filho, esposa e cunhado do prefeito municipal Ernani de Freitas Gonçalves, configurando casos de nepotismo. O Chefe do Executivo tem prazo de cinco dias para cumprir a medida.

Na ação, o Ministério Público destaca que a prática de nepotismo vem sendo vedada desde a promulgação da Constituição de 1988. Também é destacado que o ato do Prefeito é inconstitucional, pois viola os princípios da impessoalidade, moralidade, igualdade e eficiência administrativa.



Ministério Público do Estado do Rio Grande do Sul
Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s